Pasta de frutos secos ajuda a combater a desnutrição infantil na Guiné-Bissau

21/07/2022

No âmbito da parceria com a "Hope for Fulanis", o Continente lança a Pasta Mix Frutos Secos Continente, um produto que promove a nutrição saudável e também o acesso à nutrição básica das crianças que vivem na Guiné-Bissau, à semelhança do que fez em 2021 com a Pasta 100% Caju Continente. Com amendoim, caju e avelã, esta pasta é uma fonte de proteína.

Parte das vendas da Pasta Mix Frutos Secos Continente (PVP de 3,99€) reverte para continuar a promover o acesso à nutrição básica das crianças no interior da Guiné-Bissau, através de um centro de prevenção à desnutrição infantil, que garante o acesso a refeições gratuitas de centenas de crianças guineenses, contribuindo como incentivo para a escolaridade e para o seu desenvolvimento físico, cognitivo e emocional.

Através da venda da Pasta 100% Caju o Continente já assegurou cerca de 53.500 pequenos-almoços para estas crianças. As crianças têm estado a ser acompanhadas por nutricionistas e médicos da "Hope for Fulanis", confirmando a sua evolução positiva. O primeiro Centro de Apoio Alimentar já começou a sua intervenção social e foram auxiliados 150 alunos neste primeiro ciclo escolar, iniciado em outubro de 2021.

A expetativa é que, com este novo produto, Pasta Mix Frutos Secos, à venda em todas as lojas Continente, mais refeições sejam asseguradas.

Segundo Tânia Lucas, Diretora de Marcas Próprias da MC, "com a ajuda dos nossos clientes, a Missão Continente conseguiu ajudar a Hope for Fulanis a iniciar um processo ousado, a construção de um novo Centro. O projeto completo visa a construção de 6 módulos para dar apoio na área da Nutrição, Saúde e Educação e os dois primeiros módulos já estão prontos, pelo que temos a expectativa de os inaugurar no início do ano escolar 2022/23. Esta construção está situada numa zona estratégica e será o epicentro de suporte para todas as aldeias num raio de 50km, acolhendo mais de 150 crianças, e oferecendo apoio na saúde básica a centenas de famílias e jovens das comunidades vizinhas, além do reforço alimentar com uma supervisão especifica nos casos de desnutrição".

A "Hope for Fulanis", alinhada com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, tem vindo a desenvolver, desde 2000, vários projetos na área da saúde, educação, nutrição infantil, formação profissional e acesso a água potável no interior da Guiné-Bissau. Tendo como prioridade o acesso ao ensino básico de qualidade como um direito para todas as crianças e o combate à desnutrição infantil, que continua a ser um dos maiores flagelos de saúde mundial e a maior causa de mortalidade infantil, a "Hope for Fulanis" tem um protoloco de ação e incentivo à escolaridade no âmbito do "Programa Mundial de Alimentos" (PMA) das Nações Unidas e já fundou 15 escolas primárias, que matriculam mais de 1.900 crianças e que influenciam mais de 5.000 pessoas por ano.

Este projeto é apoiado pela Missão Continente, cujos eixos de atuação incluem incentivar uma alimentação e estilo de vida saudáveis, investir em projetos de impacto social que transformem e melhorem a vida de pessoas mais vulneráveis, e agir em conjunto com as comunidades, ajudando-as a crescer, ser mais sustentáveis e responder aos desafios sociais e ambientais.

Erradicar a pobreza e a fome, promover saúde e educação de qualidade, bem como a igualdade de género, ajudar na recolha de água potável e saneamento, reduzir as desigualdades e promover a Paz, Justiça e Instituições Eficazes são as 8 metas de desenvolvimento sustentável propostas pelas Nações Unidas (ONU) para as quais a Missão Continente pretende contribuir com esta iniciativa.