McDonald’s encontrou nova fonte de receita: merchandising

06-12-2019

T-shirts, cadernos e, até, elásticos para o cabelo. A McDonald's está a explorar uma nova fonte de receita além dos hambúrgueres e demais produtos alimentares. Segundo aponta a Bloomberg, a cadeia de restauração está a apostar no merchandising, tendo desenvolvido um conjunto de artigos em que a marca McDonald's aparece em destaque.

A agência noticiosa lembra que esta não é a primeira vez que a cadeia cria produtos de merchandising, tendo desenhado, por exemplo, chapéus-de-chuva que faziam lembrar pães com sementes de sésamo. Apesar de este artigo ter sido disponibilizado apenas numa convenção onde estavam presentes somente funcionários e fornecedores, o sucesso conquistado poderá ter sido suficiente para impulsionar esta área.

Colin Mitchell, senior VP of Global Marketing da McDonald's, admite que a marca não tem sabido aproveitar ao máximo a sua base de fãs. O «êxito tremendo» do merchandising apresentado na convenção de há dois anos demonstrou isso mesmo.

«Com a geração Instagram, as pessoas querem merchandising realmente distintivo», sublinha o mesmo responsável, acrescentando que os fãs da marca querem mostrar ao resto do mundo que são fãs. «Queremos que todas as pessoas que vistam as nossas peças sejam embaixadores da marca.»

O resultado desta epifania da McDonald's já está à vista: na loja online da marca nos Estados Unidos da América - bem como num restaurante em Chicago - já é possível comprar uma t-shirt da cor dos arcos da insígnia, por exemplo. Os preços dos produtos disponíveis começam nos 12 dólares (cerca de 10,80 euros) para um conjunto de pins e podem chegar aos 65 dólares (58,5 euros) para uma camisola natalícia.

«Sabemos que as pessoas vão pagar por isto e temos mais procura do que aquela a que conseguimos responder», acrescenta Colin Mitchell.