Expozoo 2020

11-01-2020

Nos dias 11 e 12 de janeiro, a Exponor vai transformar-se num verdadeiro Zoo, acolhendo mais de 600 animais exóticos, entre répteis, aves, suricatas, tartarugas, peixes e mais 400 animais de várias espécies, raças e origens, desde os animais da quinta aos de estimação. A adoção responsável, as terapias alternativas e os animais com profissões serão os temas em destaque nesta edição.

Alimentação saudável, desporto, terapias alternativas. As novas tendências de lifestyle já chegaram ao mundo animal e trazem boas energias a esta edição, que mais uma vez abre portas também aos visitantes de quatro patas. Em destaque estão os manipulados à base de produtos naturais e as sessões de demonstração de Reiki Animal, uma terapia holística, que incide sobre os chakras do animal, para o tratamento de problemas de pele, alívio de dores, depressão, stress ou ansiedade.

Vocacionada para famílias, a Expozoo promove ainda uma campanha de sensibilização para a adoção responsável. A iniciativa "Queres ser o dono do Bobby?" convida a vivenciar uma rotina de cuidados diários com um animal de estimação, como a alimentação, higiene e partilha de afetos.

Há um espaço dedicado às profissões com animais. O cão-polícia, o cão-bombeiro, o cão-paraquedista e ainda cavalos terapeutas que vão estar presentes em demonstrações que comprovam como os animais e o ser humano formam uma boa equipa.

Paralelamente, são apresentadas as últimas novidades de produtos e serviços para animais, com mais de 95 expositores dedicados a alimentação, vestuário, acessórios, pet grooming, saúde e bem-estar animal.

Em paralelo, a Exponor recebe ainda a 90ª Exposição Canina Internacional do Norte, organizada pelo Clube Português de Canicultura. Estão previstos cerca de 5 mil cães, meia centena dos quais acompanhados por criadores internacionais, que disputam entre si várias categorias conforme idade e género.

Também os gatos são chamados ao palco numa exposição que reúne mais de 150 exemplares de vários países, organizada pelo Clube Português de Fenicultura.

O evento permite a entrada de cães no período da manhã, entre as 10h e as 13h, sendo necessário apresentar, à entrada do recinto, o boletim de vacinas e identificação eletrónica, bem como comprovativo de vacinação antirrábica válida à data do certame e seguro de responsabilidade civil. É ainda obrigatório o uso de trela e a utilização de kit de higiene.

Obs.: Entrada gratuita até aos 4 anos. 

MAIS INFORMAÇÕES