Estudo associa asma a produtos de limpeza

25-02-2020

Uma investigação publicada no jornal médico "Canadian Medical Association Journal" indica que a exposição precoce de bebés a produtos de limpeza de casa está associada a problemas de asma em crianças de até aos três anos. 

O estudo focou-se na exposição dos recém-nascidos que passam 80% a 90% do tempo em casa e que as suas vias pulmonares e epidérmicas são sensíveis à exposição química. O estudo foi feito através de questionários preenchidos pelos pais de 2022 crianças com três anos, num período de tempo de três a quatro meses.

A investigação concluiu então que a exposição precoce a este tipo de produtos aumenta o risco de a criança ter asma, mas não reacções alérgicas. Por esta razão, a American Lung Association (organização que apoia pessoas com doenças respiratórias) aconselha que não sejam utilizados em casa detergentes de limpeza que integrem, na sua composição, substâncias orgânicas voláteis, perfumes ou outro tipo de compostos irritantes.