Burger King declara restaurantes ‘breastfeeding welcome’

18-12-2018

O Burger King junta-se à organização Teta & Teta, que promove a normalização da amamentação materna, para converter mais de 850 restaurantes em Portugal e Espanha em locais onde amamentar seja algo natural e cómodo, espaços Breastfeeding Welcome.

Segundo dados de estudos citados pelo Comité Português para a UNICEF e pela Comissão Nacional Iniciativa Hospitais Amigos dos Bebés no seu do Manual de Aleitamento Materno, mais de 90% das mães portuguesas iniciam o aleitamento materno, mas cerca de metade desistem de dar de mamar durante o primeiro mês de vida do bebé. 

Vários fatores contribuem para este fenómeno, entre eles o desconforto muitas vezes associado à amamentação em locais públicos. "No Burger King, o nosso lema é 'todos são bem-vindos' e estamos sempre atentos às necessidades dos nossos clientes para lhes podermos dar resposta. Foi neste contexto que surgiu o tema da amamentação em público, um assunto que não podia estar mais na ordem do dia. E ninguém melhor do que a organização Teta & Teta para ser nosso parceiro nesta iniciativa", afirma Bianca Shen, diretora de marketing do Burger King Portugal e Espanha.

Desde finais de 2017, a Teta & Teta está a levar a cabo uma iniciativa de apoio às mães para que possam amamentar fora de casa, em ambientes onde se sintam confortáveis. "Queremos acelerar a normalização da amamentação materna em público. Por outras palavras, levar a que ver uma mãe a amamentar seja tão natural como ver um casal de idosos de mão dada na rua", afirma a fundadoram Maria Rufilanchas.

Atualmente, a Teta & Teta tem identificados quase 200 espaços na Península Ibérica que são Breastfeeding Welcome, mas com a parceria com Burger King esse número vai aumentar exponencialmentem já que serão incorporados mais 850 restaurantes da marca em Portugal e Espanha. "Para nós é muito importante que uma marca tão importante se una a esta iniciativa e nos ajude a dar voz a este tema. Esperamos que muitas outras agora sigam o exemplo do Burger King", reforça Maria Rufilanchas.