10 regras de saúde na cozinha que não está a respeitar

03/09/2022

Há algumas regras de saúde na cozinha que quebra constantemente, mesmo que de forma inconsciente. Neste artigo vamos dizer-lhe quais são.

São várias as regras de saúde de cozinha que não cumpre e que podem estará a afetar a sua saúde.

Numa área tão especial como esta, a higiene pessoal é extremamente importante em termos de prevenção de eventuais intoxicações alimentares e doenças provenientes da cozinha.

Falamos desde as regras mais básicas, como lavar as mãos de forma adequada, manter a limpeza geral e estar sempre alerta para potenciais perigos associados à contaminação cruzada de alimentos.


ESTAS SÃO AS 10 REGRAS DE SAÚDE NA COZINHA QUE DEVE CUMPRIR

A lista é longa, mas é preciso atentar a cada detalhe. Afinal, manter bons padrões de higiene na cozinha é a única forma de prevenir o aparecimento bactérias, insetos, maus odores e até doenças.
Saiba o que fazer.

1) Lavar bem as mãos

Garantir que as mãos estão limpas - bem limpas - é a primeira regra de higiene na cozinha.

Isto deve-se à facilidade de transmissão de bactérias durante a preparação e manipulação de alimentos. Assim sendo, não basta lavar uma vez antes de começar a cozinhar, mas sim deve fazê-lo regularmente ao longo do processo.

2) Armazenar bem os alimentos

Também é fundamental saber armazenar os alimentos de forma segura, caso contrário esta poderá estragar-se e, além de lhe fazer mal, pode estar a estragar comida e a contribuir para o desperdício alimentar.

Saiba, por exemplo, que não deve colocar alimentos quentes no frigorífico, as tampas devem estar bem fechadas e fique atento aos prazos de validade dos alimentos.

3) Manter os alimentos separados

Uma das mais importantes regras de saúde na cozinha implica a separação de alimentos crus como carne de aves, peixes, bovina e suína. Cada qual na sua caixa ou embalagem.

4) Usar utensílios diferentes para alimentos diferentes

Como se costuma dizer a nível popular "cada macaco no seu galho" e, nesse sentido, não deve usar os mesmos utensílios para mexer em alimentos cozinhados e não cozinhados, por exemplo.

Isto inclui também o uso de tábuas de corte individuais ou separadas para diferentes ingredientes: não usar a mesma tábua para cortar carne e, em seguida, cortar legumes, a título de exemplo.

5) Ter cuidado ao descongelar alimentos

O descongelamento de alimentos deve ser feito no frigorífico e não na pia ou na banca de cozinha, muito menos no micro-ondas. Apesar de, naturalmente, ser possível fazê-lo, deve evitar, visto que as diferenças de temperatura podem atrair bactérias letais que tendem a se multiplicar rapidamente.

6) Pegar no gelo com as mãos

Já algum dia viu num bar, numa saída com os amigos, o empregado agarrar nos cubos de gelo com a mão e atirá-los para o copo? Não. Pois bem, há uma razão para isso. As suas mãos, por muito que pense que estão limpas, estão cheias de bactérias.

Por isso, já se sabe: quando for preparar uma bebida para os seus amigos, use uma pinça ou uma colher para pegar nos cubos de gelo e evitar qualquer ponto de contaminação.

7) Usar o mesmo pano para diversos fins

Não é por acaso que nos restaurantes têm sempre imensos panos na cozinha. O mesmo pano que utiliza para secar as mãos, não pode ser o pano que utiliza para limpar umas migalhas na tábua de cortar o pão, ou o mesmo pano que utiliza para limpar os salpicos que ficaram na banca depois de lavar a salada.

Para um fim, um pano. No final, deve lavar os panos utilizados na cozinha com lixívia de forma a garantir que elimina possíveis bactérias.

8) Lavar frutas e vegetais convenientemente

Parece uma regra básica, certo? No entanto, não basta passar levemente por água, convém esfregar bem, especialmente se for comer ou confecionar o alimento com a casca.

A casca das frutas e vegetais contém bactérias e, eventualmente, produtos químicos que foram eliminados muito provavelmente pelo processo de refrigeração antes de chegar às lojas, mas mais vale jogar pelo seguro.

9) Limpar as bancadas de cozinha e a pia

Limpar as bancadas da cozinha parece também uma regra simples, verdade? Porém falamos de uma limpeza a fundo, pois com isso, além de manter a cozinha limpa e arrumada, vai prevenir a propagação de bactérias.

E não se pode esquecer da pia: é usada todos os dias e rapidamente fica suja e coberta de bactérias se não for mantida devidamente limpa.

10) Manter o frigorifico limpo

Garantir que o frigorífico está sempre limpo e meio que organizado é uma das 10 principais regras de saúde na cozinha que partilhamos consigo. E existe um bom motivo para isso: se não limpar o frigorífico com frequência, os resíduos de comida em decomposição podem criar bactérias e contaminar os alimentos em bom estado.

Regras úteis para a sua saúde e para a saúde dos alimentos que consome. Vai adotar as nossas sugestões?