Sete benefícios de aprender piano ou teclado

14/07/2022

Se está na dúvida sobre se deve começar a tocar piano ou teclado, a resposta é sim. Glauco César Segundo, pianista, compositor e professor de piano que criou o método "Direto ao Ponto", disponível na Hotmart, plataforma líder de produtos digitais, traz sete benefícios de aprender a tocar piano ou teclado.

1) Concentração: estamos sempre cercados de sons, mas, na maioria das vezes, não prestamos atenção a tudo que acontece à nossa volta. Quando começamos a aprender piano, temos que focar a nossa atenção no som do instrumento, que pode ser várias melodias em simultâneo, o que desenvolve bastante a concentração. Por consequência, quando nos concentramos em algo, os problemas vão ficando em segundo plano e diminuímos o stress.

2) Coordenação motora: já tentou fazer uma coisa com a mão direita e outra diferente com a esquerda simultaneamente? É um pouco difícil, mas com o estudo do piano desenvolvemos essa coordenação de maneira natural. Muitas vezes uma mão faz algo completamente diferente da outra mão, mas vamos aprendendo tudo lentamente, harmoniosamente e esse contraponto desenvolve ainda mais a nossa coordenação somada à concentração.

3) Controlo emocional: quando aprendemos a interpretar uma partitura e expressar os sentimentos do(a) compositor(a) e os nossos, é preciso ter bastante controlo emocional. Se for uma música triste, alegre, melancólica, temos sempre que transmitir o sentimento para quem ouve e isto só é possível com absoluto controle emocional. Esse mesmo controlo emocional pode ser levado para vida pessoal, afetando positivamente diversos aspetos.

4) Sensibilidade: depois de termos mais controlo emocional passamos a ter também mais sensibilidade. Conseguimos mergulhar nos sentimentos diversos que o(a) compositor(a) escreveu, seja de uma música contemporânea ou de há 300 anos. Conseguimos de imediato identificar aquele sentimento exposto e sentir verdadeiramente ele e levamos essa sensibilidade para a nossa vida quotidiana.

5) Autodisciplina: para termos sucesso no estudo do instrumento é preciso ter autodisciplina, pois muitas vezes temos que estudar uma mão muito lentamente, depois a outra, depois juntar, depois repetir, etc. Não é fácil, pois muitas vezes a nossa ansiedade impede-nos de fazer lentamente e queremos acelerar o processo o que nos faz atrasar ainda mais. Portanto, aos poucos vamos desenvolvendo essa autodisciplina que, no fim, nos dá uma grande satisfação por termos conseguido alcançar o objetivo. Com o tempo essa autodisciplina torna-se natural.

6) Autoconhecimento: tudo o que desenvolvemos com o estudo do piano leva naturalmente a um autoconhecimento mais profundo. Conhecemos melhor os nossos limites, a forma como o nosso cérebro funciona, as emoções que mais nos afetam, passamos a conhecer mais o nosso próprio corpo. Com isso, todos os aspetos mentais ficam mais claros e passamos a ter mais domínios de nós mesmos.

7) Memória: a memória é uma das coisas que mais trabalhamos no piano. Trabalhamos a memória auditiva, pois muitas vezes guiamo-nos pela lembrança de como soa a música. Trabalhamos também a memória fotográfica, pois lembramos como é a posição da mão ou as notas da partitura visualmente. Trabalhamos ainda a memória muscular, pois de tanto tocar com o tempo as nossas mãos parecem que tocam sozinhas sem pensarmos. Além disso, a música traz memórias de coisas vividas e literalmente faz-nos sonhar acordados. Sabemos que trabalhar a memória é imprescindível para a saúde mental.

"Direto ao Ponto" - aprenda piano e teclado do zero

No método "Direto ao Ponto", Glauco oferece um passo a passo contínuo que lhe permitirá entender e tocar piano de modo tranquilo e fluído, além de prazeroso. Este curso permitir-lhe-á dominar o instrumento, ler partitura, tocar do clássico ao popular e ter mais qualidade de vida com os benefícios que o piano nos traz.

"Aprender piano não depende só de você, mas depende da forma que lhe é ensinada, da didática que lhe é apresentada e eu tenho isso pra você em um passo à passo contínuo, tranquilo, fluente que vai te dar o prazer de enfim tocar e entender esse instrumento tão maravilhoso que é o piano", afirma Glauco César Segundo.